Grieg

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Compositor norueguês - Estudou com E.F. Wenzel no Conservatório de Leipzig (1858-62), onde familiarizou-se intimamente com a primeira música romântica (especialmente a de Schumann), ganhando mais experiência em Copenhagen, onde recebeu o estímulo de Niels Gade.

Foi só em 1864-5, após conhecer o nacionalista norueguês Rikard Nordraak, que ocorreu sua mudança estilística, especialmente nas Humoresker para piano, op.6, de inspiração folclórica. Além de promover a música norueguesa através de concertos de suas próprias obras, reuniu alunos, tornou-se regente da Harmoniske Selskab, projetou uma Academia Norueguesa de Música e ajudou a fundar a Christiania Musikforening (1871), compondo nesse meio tempo seu concerto para piano (1868) e os importantes arranjos para piano de 25 canções folclóricas de Lindeman (op.17, 1869). Uma colaboração operística com Bjornson não rendeu frutos, mas sua música incidental para Peer Gynt, de Ibsen (1875), a mais extensa e famosa de suas grandes composições, resultou numa de suas melhores obras.

Apesar da saúde cronicamente deficiente, continuou a fazer turnês como regente e pianista e a executar encomendas de sua base, em Troldhaugen (a partir de 1885); recebeu numerosas honrarias internacionais. Entre suas obras tardias, as de maior destaque são O escravo da montanha op.32, para barítono, duas trompas e cordas, o Quarteto de Cordas em sol menor op.27, a conhecida Suíte Holberg, neobarroca (1884), e o ciclo de canções Haugtussa op.67 (1895).

Grieg foi antes de tudo um compositor lírico; suas partituras de Vinje, op.33, por exemplo, demonstram amplitude de expressão emocional e caracterização ambiental, e os dez números de opus das Peças líricas para piano contêm uma abundância de quadros programáticos expressando estados de ânimo. Mas foi também um pioneiro tanto na utilização impressionista da harmonia e da sonoridade do piano, presente em suas últimas canções, quanto no tratamento de dissonância em Slatter op.72, melodias camponesas para violino arranjadas para piano.

Imprimir Email

  • /index.php/salas/musica/50-compositores/347-tchaikovsky
  • /index.php/salas/musica/50-compositores/345-strauss