Banner `Pitágoras topo

A Literatura no Realismo

 

  • Descrição da Realidade Externa
  • A Realidade tal como é
  • Não a Injustiça e a Opressão
  • Revolução Industrial e Proletariado
  • Nascimento de Grandes Movimentos Sociais e Políticos
  • Socialismo, Comunismo, Anarquismo e Sindicalismo
  • Novos Campos do Conhecimento: Sociologia e Psicologia
  • Positivismo e Exageros Cientificistas


O Realismo é uma reação contra o Romantismo: O Romantismo era a apoteose do sentimento; - o Realismo é a anatomia do caráter. É a crítica do homem. É a arte que nos pinta a nossos próprios olhos - para condenar o que houve de mau na nossa sociedade. (Eça de Queirós)

Flaubert Causa Tremores na Sociedade Francesa

França, 1856, Gustave Flaubert é processado por ofender a moral pública. Motivo: a publicação de seu romance Madame Bovary, hoje considerada obra-prima e precursora do Realismo na Europa.

Realismo: O Nascimento

O Realismo nasceu como um movimento de reação ao Romantismo europeu, que já dava sinais de decadência. Como escola literária, se estendeu aproximadamente de 1830 a 1880. Na França, durante o século XIX, as novas teorias científicas, o surto industrial e a difusão do pensamento de Augusto Comte - o positivismo - fizeram surgir uma visão de mundo mais objetiva, ou, sob certo ponto de vista, mais científica.

Influências na Literatura

Nesse ambiente, é claro, a literatura também sofreu influência e autores como Stendhal, Balzac e, principalmente, Flaubert, se dedicaram a escrever obras sem o sentimentalismo e o individualismo dos românticos. Aos poucos, o Realismo vai delineando suas características. Os autores não mais deveriam se preocupar com seu mundo interior ou com questões metafísicas e sim dar atenção ao "mundo real".

Verdades Absolutas

No Realismo, a arte e a literatura devem representar a verdade absoluta e objetiva, devem ser um espelho do mundo sensível e dar atenção à fidelidade máxima à natureza física e psicológica do homem. Esta escola literária tenta reproduzir a realidade de maneira exata, perfeita, sempre fruto da observação minuciosa dos fatos. É por isso que alguns críticos afirmam que, com o Realismo, se inaugura a fase do "romance documental", ou seja, os romances desse período são mesmo descrições duras da realidade e procuram se assemelhar ao máximo daquilo que os olhos vêem e do que tudo o que se comprova por experimentação.

Resumo

Memórias Póstumas de Brás Cubas.