Apple e Malala Fund se Juntam na Educação de Garotas no Brasil

A paquistanesa Malala Yousafzai é a pessoa mais nova a receber o prêmio Nobel e é conhecida por sua luta em prol do empoderamento das mulheres e para melhorar o acesso à educação. 

E essa missão atualmente vem sendo levada a milhares de pessoas mundo afora por meio do grupo Malala Fund, que agora se junta à Apple para ajudar garotas no Brasil, como parte do plano de expansão na América Latina.

"Minha esperança é que todas as meninas, do Rio a Riad, possam ser livres para escolher seu próprio futuro. Se ela quer ser uma desenvolvedora, piloto, dançarina ou política, a educação é o melhor caminho para um futuro melhor. Ao aproveitar a rede de desenvolvedores de estudantes da Apple, o Malala Fund terá acesso a novas ferramentas para apoiar nossa missão de educação gratuita, segura e de qualidade”, disse Malala, em visita ao Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (13).

O projeto reúne alunos e ex-alunos da Apple Developer Academy no Brasil para projetar e desenvolver aplicativos que melhorem as oportunidades de educação para meninas. O desafio também incentivará os estudantes a encontrarem maneiras de habilitar melhor a rede Gulmakai do Malala Fund em todo o mundo, com o objetivo de se comunicar e compartilhar as melhores práticas em um ambiente seguro.

apple malalaMalala, à esquerda

A Maçã se tornou parceira do Malala Fund em janeiro deste ano e o aumento das bolsas concedidas pela rede Gulmakai permite novos programas na América Latina e na Índia. A expectativa é de criar opções de ensino secundário para mais de 100 mil garotas.

 

Fonte: TecMundo

Tags: educação, apple, malala found

Imprimir Email

  • /index.php/salas/65-espaco-cultural/noticias/1098-25-bienal-internacional-do-livro-de-sao-paulo
  • /index.php/salas/65-espaco-cultural/noticias/1096-rio-gastronomia